Seminário Internacional

Gestão do Patrimônio Cultural do Norte

1/7

Promover o Patrimônio Cultural do Norte do Brasil, uma região de múltipla beleza natural e cultural, é uma das missões do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em 2018. Assim, nos dias 6 e 7 de novembro de 2018, a cidade de Belém, capital do estado do Pará, sediará o Seminário Internacional Gestão do Patrimônio Cultural do Norte. A proposta é reunir pesquisadores, gestores governamentais, estudantes, equipes do Iphan, representantes das comunidades locais a ampliar o debate sobre o tema, trabalhando o Patrimônio Cultural como um ativo para o desenvolvimento social, econômico e sustentável. 

O evento, patrocinado pelo BNDES, tem a participação de renomados especialistas brasileiros e estrangeiros, com atuação no campo do Patrimônio. No dia 06, a programação conta com a conferência Patrimônio, desenvolvimento e políticas de reconhecimento, ministrada pela antropóloga e arqueóloga australiana Laurajane Smith. No mesmo dia, haverá a apresentação da Política de Patrimônio Material do Brasil e duas mesas: Os desafios da Identificação do Patrimônio Cultural do Norte e Novos Olhares para o Reconhecimento do Patrimônio Cultural do Norte.

No segundo dia, acontecem duas conferências: Patrimônio, autenticidade e diversidade, ministrada pelo museólogo português António Ponte e Patrimônio Imaterial e povos indígenas no Brasil. Haverá ainda as mesas Estratégias de Promoção para a Valorização e Difusão do Patrimônio Cultural e Dilemas para o Fortalecimento da Gestão do Patrimônio Cultural. 

O seminário será realizado no Teatro Maria Sylvia Nunes, na Estação das Docas, e oferece 400 vagas. As inscrições, que são gratuitas, serão aceitas conforme a lotação do espaço e deverão ser feitas a partir do dia 22 de outubro. 

A riqueza cultural do Norte impressa na Revista do Patrimônio
Os participantes do Seminário Internacional Gestão do Patrimônio Cultural do Norte participarão também do lançamento da edição especial da Revista do Patrimônio, composta por dois volumes temáticos sobre o Patrimônio Cultural do Norte. Será no dia 07, às 19h. A publicação tem o patrocínio da Vale e traz temas relevantes sobre as culturas de diferentes etnias da região Norte, mitos, tradições, formas de expressão, problemas locais e regionais, situações de impacto ambiental e cultural, e visões do trabalho do Iphan nessa extensão territorial e cultural. 

A nova Revista do Patrimônio mantém a qualidade autoral e iconográfica reconhecida por sua excelência, tradição e importância de uma das publicações institucionais mais antigas do Brasil, editada pelo Iphan desde 1937. Os números 37 e 38 da Revista, que serão lançados conjuntamente, apresentam mais de 30 artigos de renomados autores, importantes pesquisadores e especialistas. Os textos se organizam em quatro eixos: os desafios para a identificação; novos olhares para o reconhecimento; estratégias de promoção para valorização e difusão; e dilemas para o fortalecimento da gestão.

Saiba mais em http://portal.iphan.gov.br/seminariodonorte  

Temporada​

Teatro Maria Sylvia Nunes - Belém 

06 e 07 Novembro 2018